Não, o título não é enganoso… a notícia saiu nessa manhã logo antes da sexta-feira santa

Papa Bento 16 elogia Karl Marx em novo livro

O papa Bento 16 elogia Karl Marx, dizendo que o pai do comunismo “forneceu uma imagem clara do homem vitimado por bandidos” em trecho do livro Jesus de Nazaré, que será apresentado no dia 13 e colocado à venda no dia 16 de abril, quando o sumo pontífice faz 80 anos de idade.

notícia completa, pela BBCBrasil.com

Pois é… essa notícia nem teria me chamado a atenção, se eu não tivesse assistido National Geographic ontem de noite. Um documentário bem interessante sobre as vertentes cristãs americanas… Tem uns caras de lá que acreditam no apocalipse como sendo parte de nosso curso natural e que as coisas que acontecem (como guerras, desastres, terrorismo) faz parte disso e, ao invés de evitar esse tipo de coisa, devemos nos entregar à Cristo enquanto ainda há tempo.

Outros acreditam (e até faz sentido) que o inferno não existe. Um desses homens (que eu esqueci o nome, mas vou atrás pra ver se acho) foi banido da Igreja Católica por um Bispo e foi dado como herege… lógicamente ele foi prejudicado, perdendo muitos fiéis, mas continuou o seu movimento e foi recentemente reconhecido pelo Vaticano.

Ele declarou abertamente no documentário, que o Vaticano possui documentos que comprovam sua tese e em breve eles devem publicar suas idéias, comprovando que o inferno não existe.

Em seguida o documentário mostra de onde veio a concepção do inferno como o “conhecemos”. Vem do Evangelho de João, que ao escrevê-lo já estava velho, chegando ao seu “destino final” e numa indagação interna não soube dizer para onde iria ou o que aconteceria. Foi aí então que ele, viajando muito, criou essa história toda, que nos acompanha há 2000 anos.

Eu até entendo a necessidade de existência de um inferno, pois muitos deixam de fazer coisas “erradas” por medo justamente de queimar para sempre. Mas também tem outro lado: uma religião não deveria dominar através do medo e isso fere diretamente a lei do livre arbítrio.

Enfim, só o tempo nos dirá… e um dia todos saberemos.

Mas sinceramente… se fosse assim, o universo estaria cheio e o céu vazio… pois todo humano peca (como diria o próprio Jesus)… enfim… divagações religiosas para variar um pouco.

Anúncios