Cyber-Cultura e Etc.

Aventuras e desventuras de um web designer

A Velocidade de Seu Site Influencia nos Resultados de Pesquisa — 26 / abril / 2010

A Velocidade de Seu Site Influencia nos Resultados de Pesquisa

Ufa, título longo, mas por um bom motivo. Não tinha como explicar em menos palavras sem ser um pouco confuso (e sem imitar o artigo que fiz para a tecSOFTVelocidade Importa).

Bem, este título explica muito sobre o que vou falar aqui hoje, mas além de lhe explicar porque a velocidade de seu web site de repente se tornou fator chave para ele ser achado, vou também dar umas dicas de como melhorar a velocidade de seu site. 😉

Começando pelo princípio, como eu disse nesse outro artigo da tecSOFT, a Google adicionou um novo sinal em seu algoritmo de pesquisa, fazendo com que sites que são carregados mais rápidos tornem-se mais relevantes para as pesquisas.

Você deve pensar que talvez isso não faça muita diferença, mas pense bem, pois antigamente pensavam o mesmo sobre fazer um site acessível, mas quando se tornou uma grande vantagem competitiva ter um site em webstandards que os robôs da Google pudessem ler corretamente, muita gente começou a fazer e se deu bem. Quem ficou para trás, com seu site em tabelas e visual atrasado, além de acessibilidade zero ficou isolado nas últimas páginas de pesquisa, perdendo um bom público.

Essa mudança no código nos traz a possibilidade de fazer algumas mudanças que vão nos beneficiar como donos de site (teremos mais visitas) e irão beneficiar nossos visitantes (carregarão as páginas mais rapidamente). Aqueles que não souberem disso e não mudarem os seus sites, pelo menos para melhorar um pouquinho a performance, podem acabar morrendo na praia.

Imagine o cenário: você é dono de uma padaria no centro da cidade, o seu site pode até não ser tão relevante para você, que o fez há três anos atrás e não mexeu mais. Mas as pessoas procuram no Google por endereços e telefones dos estabelecimentos e acham você, querendo saber onde fica através do Google Maps, querem comparar preços ou até comprar o seu pãozinho online (quem me dera as padarias se tocassem do potencial que tem). Enfim, deu pra entender né? Então, e agora você tem aquele site em tabela, carregadasso de imagens pra tudo quanto é lado, animação em flash, fonte importada, assim por diante… Já o cara da padaria da outra esquina, fez um site bem clean em web standards, com o html limpinho, o css bem feito, ambos com tamanhos irrisórios. Antes não fazia muita diferença isso, ia importar mais o conteúdo do que realmente o desempenho do site.

A partir de agora, o site de maior desempenho será mais relevante para a Google e, portanto, para os usuários também. Claro que não será o fator principal que define quem aparece primeiro, mas numa época em que todos têm acesso a técnicas de SEO, os web designers estão antenados e a maioria (pelo menos os bons) sabem fazer isso de letra, escolher aquele web designer que faz um site mais leve, ou que saiba comprimir os arquivos corretamente, que escreva o css mais enxuto ou o html mais semântico, será uma grande vantagem competitiva a médio prazo.

Bom, mas chega de falar sobre o problema, nós aqui na tecSOFT gostamos de dar a solução (que é mais fácil né)

Maneiras de Melhorar a Performance (Velocidade) de Seu Site

1- Page Speed – um addon para Firefox/Firebug que avalia a velocidade das páginas e dá algumas sugestões de como melhorar a performance de seu site;

2 – YSlow – Ferramenta gratuita do Yahoo! que faz sugestões de como melhorar a velocidade de seu site;

3- Google Webmaster Tools – Na opção “Labs > Site Performance” você encontra dicas úteis, um medidor das velocidades médias de seu site de acordo com as médias estatísticas dos usuários de seu site ao redor do mundo.

4- Google Blog – este é um post sobre performance de site utilizando o Webmaster Tools, recomendo dar uma olhada também.

5- Google Code (Speed) – Aqui você encontrará muitos recursos, programas, addons, plugins para lhe ajudar a medir e melhorar a velocidade de seu site.

Não seja passado para trás, ao contratar serviços de SEO e Web Design pergunte para seu contratado que tipo de ferramenta ele usa para melhorar a performance de seu site e mantenha-se sempre informado sobre esse tipo de detalhe aqui no Cybercultura e ETC ou no site da tecSOFT 😉

Uma boa semana a todos

Anúncios
Atualização do Firefox 2 — 01 / março / 2007

Atualização do Firefox 2

Meu navegador favorito chega à versão 2.0.0.2 e traz algumas atualizações menores.

Pelo que vi, as principais mudanças foram novas compatibilidades com plugins da versão 1.5 que ainda não tinham se resolvido. Mas a nova versão também vem com alguns updates de segurança e o dicionário PT-BR para correções ortográficas (que eu ainda não instalei por preguiça).

Para quem já possui o Firefox, a atualização será automática. Para quem deseja baixar, vale a pena. O Firefox tem lá seus bugs, admito, como todos os browsers, mas mesmo assim continua sendo meu favorito. Acho que é o Look And Feel dele e também o fato de ele ser de fato o primeiro a desafiar o monopólio internético da Microsoft (na verdade não o primeiro, mas o primeiro a fazer isso efetivamente).

Outra característica expressiva desta última atualização são os novos recursos de compatibilidade com o Windows Vista. É até engraçado pensar que o Firefox faz mais ajustes para funcionar em conjunto com o Windows do que o próprio Internet Explorer, da Microsoft.

Veja a lista completa de problemas de segurança resolvidos

Contigo — mas sem Standards — 15 / fevereiro / 2007

Contigo — mas sem Standards

A página da Revista Contigo me levou a repensar algumas coisas como: “Por que ainda contratam o sobrinho do chefe ‘que manja tudo de informática’ para fazer sites?”

Simplesmente entre, com o seu FireFox e veja do que estou falando. Simplesmente uma “dança de div’s” … é, porque o termo “sopa de tags” já está ultrapassado… vamos para termos mais leigos… se você ficar dando ALT+TAB entre seu FireFox e seu Internet Explorer você vai ver os blocos de “coisas” do site dançando: 2 pra esquerda, 2 pra direita…

Fala sério, O QUE É ISSO MINHA GENTE?

Alguém já falou para eles que existem profissionais trabalhando nesse ramo?

Acho que não… pelo amor de deus… se a Abril contrata terceiros para fazer o “trabalho sujo”, que contrate outros e refaça, por favor.

Agora, se a Abril tem gente interna fazendo isso e não quer gastar fortunas com demissões e contratações, então por favor contratem alguém pra dar um cursinho de webstandards para os internos, ou pelo menos uma consultoria básica.

Estou à disposição. Sinceramente.

Isso porque fiquei até entristecido com essa história. Logo a Abril que sempre foi uma editora de renome e tem em seu currículo tantas revistas de cunho democrático e popular, deveria pensar que hoje em dia muita gente utiliza linux, firefox, smartphones e outros dispositivos (fico imaginando as possibilidade de uma privada wireless — pelo menos poderia puxar a descarga para o site da dita cuja).

Fica a dica. Espero que alguém responsável por aquilo tudo tenha a chance de ler e consertar a cagada (de um jeito ou de outro).

Pra quem não tem os dois browsers, ou simplesmente tem preguiça de abrir os dois e ficar comparando, vai um printscreen exclusivo da cena.

Só pra finalizar… geeks e afins vão achar engraçado: 426 linhas de código compoem o HEAD do site…

tem gente que colhe banda de internet em árvore lá na Abril

clique para ampliar. na esquerda a versão “corretinha” (apesar de feia) do site. Na direita a versão “erradona” (e ainda mais feia) do firefox… reafirmo: a culpa não é do browser… é de quem fez e de quem pagou pra fazer.

Sshot Contigo Full 02 Sshot Contigo Mini 01